Postagens Recentes:

UMA ÁREA DESCOORDENADA

Ser recebida com respeito e atendimento digno, pode ser o objetivo de quem chega na “quarta idade”, independentemente de apresentar do declínio neural ou não.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, as demências devem ser vistas como prioridades na saúde pública. O monitoramento mundial dessas ocorrências se justifica, porque a geração conhecida como “baby bommers”, nascidos entre 1946 até 1964, representam a grande explosão de nascimentos após a Segunda Guerra Mundial com a expectativa de vida ampliada devido aos avanços médicos, progressos na saúde e maior disponibilidade de alimentosumaareadescoordenada-03.

Computados estes fatores, as chances de triplicar o surgimento das doenças neurodegenerativas até a metade do século XXI representam possibilidades reais e o Alzheimer detectado em sete de cada dez casos conhecidos.  

Existe apenas este mal?

Infelizmente não, muitos outros compõe a lista. Por exemplo, a síndrome de Korsakoff relacionada ao abuso das bebidas alcoólicas, retrata um grupo de distúrbios neurológicos ligados a deficiência da Tiamina ou vitamina B1. Substância responsável pela transformação do alimento em energia, especialmente para o cérebro. Alcoolistas crônicos podem evoluir para patologias neurológicas, embora a desnutrição grave, ferimento severo na cabeça, herpes ou tumores cerebrais sejam outros fatores eventualmente relacionados.

Amnésia, falta de orientação espaço-tempo, apresentação de histórias fantásticas advindas da imaginação, mudanças de humor repentinas, inflamação do tecido nervoso estão entre as principais afecções apresentadas. E neste caso específico, a recomendação principal foca em cessar o consumo destas substâncias e indicação de terapia cognitivo-comportamental.

Um sinal disfuncional surge quando as pessoas consomem substâncias psicoativas e parecem esquecer ou desconhecer que o cérebro é uma rede neural, composta por aproximadamente 86 bilhões de neurônios. Cada um deles, preparado para criar 100.000 conexões com os outros. Embora a neurogênese seja aceita como uma possibilidade no meio científico, a perda em grande número dificilmente poderá ser recomposta e a demência surge em idades menos avançadas. Causada pelas perdas neuronais precoces, riscos cardiovasculares e diminuição no nível de proteção da barreira hematoencefálica. 

Quais são as consequências?

Sociais e econômicas. Compostas pelos custos não planejados pelo poder público com médicos, despesas sociais diretas e indiretas no cuidado informal. 

No quesito custo social, está a provável razão da sociedade estigmatizar o declínio das capacidades e o caminhar para a dependência, estado que representa a antítese do indivíduo eficiente. Ao mesmo tempo, no estado atual e modelador do ‘politicamente correto’ fica difícil a tomada de medidas eficazes a favor da educação baseada num ambiente harmonizador e inteligente para repudiar práticas prejudiciais ao longo do tempo. Noutro ponto deste contexto atual, incentivar a valorização “hipercognitiva” criaria um show fatiado da vida.

O caminho natural traz os riscos das demências que começam nos pequenos esquecimentos e perda da noção do tempo; passam pelo esquecimento de eventos, nomes das pessoas, alterações comportamentais e chegam nos mais evidentes – dificuldades no reconhecimento de familiares, de mobilidade até dependência total e inatividade.

umaareadescoordenada-01.jpgTalvez num futuro próximo, inclusive para a geração ‘Z’, dos nascidos nas décadas de 1960 até 1970 o atendimento das necessidades limitantes acontecerá com o auxílio de equipamentos robotizados, modelados para um melhor reconhecimento dos ambientes, sintonia da memória prejudicada, apoiados por ‘contexto sensível’, sensores digitais instalados nas suas residências e respostas automatizadas das necessidades, gostos ou barreiras de muitos tipos.

#jp #jornaldepiracicaba #umaáreadescoordenada#marcelopelucio #Alzheimer

#neurodegenerativa#baby #boomer #geraçãoz #habilidadessociais#hipercognitiva

#tiamina #korsakoff #alcoolista#independencia #envelhecimento #transgeracional

20170811-A3.jpg

 

  • Pensamento de John Lennon

    Fizeram a gente acreditar que amor mesmo, amor pra valer, só acontece uma vez, geralmente antes dos 30 anos. Não contaram pra [...]
  • UMA ATIVIDADE FRUTÍFERA

    As atividades necessárias para detecção de falhas normalmente esbarram nas peculiaridades de defesa psicológica, muitas [...]
  • UM CALDEIRÃO EMOCIONAL

     Complicam os assuntos, tornam difícil o convívio interpessoal, negligenciam a própria saúde, em certas ocasiões munidos de [...]
  • UMA ANÁLISE MINUCIOSA

    O mundo das escolhas é vasto, com muitos caminhos para percorrer e sob tempestades diferentes, acertar o “guarda-chuva” [...]
  • UMA ÁREA DESCOORDENADA

    Ser recebida com respeito e atendimento digno, pode ser o objetivo de quem chega na “quarta idade”, independentemente de [...]
  • UM ESFORÇO DIRIGIDO

    O cérebro está em constante mudança e a ‘ebulição’ das infinitas conexões neuronais produzem o processamento das [...]
  • UM ENCONTRO CASUAL

    Mesmo em festas nas ‘montanhas geladas’, amigos em volta de uma lareira, taças de bebidas alcoólicas abrindo as mentes – [...]
  • UM OLHAR APURADO

    Sem considerar uma indicação de falhas – as pessoas abraçam, ouvem e incentivam os outros, ainda que deixem de corresponder [...]
  • No Picture

    UMA RESPONSABILIDADE COMUM

    Sensação de ter destacado parte do seu corpo, pensamentos abstratos e absurdos começam a circundar sua existência. Essa é [...]
  • UMA CERTA SUAVIDADE

    Fixar objetivos para obter sucesso eliciam desejos, tais como morar num excelente lugar da cidade, ter um carro confortável, [...]
  • UMA PROFUNDA APRECIAÇÃO

    Os seres humanos evoluíram para dar sentido ao ‘mundo’, observam transformações e as ressignificam com o passar do tempo. [...]
  • UM ISOLAMENTO SURREAL

    Quando comparados as outras espécies, os seres sociais possuem vantagens nos processos evolutivos por compartilharem recursos e [...]
  • UMA ESPÉCIE DE LASTRO

    Seres conscientes da subjetividade usam todos os sentidos e empoderam-se de percepções para responder aos estímulos. Nesta [...]
  • UM BOM EXEMPLO

    As pessoas comuns, tanto quanto os pesquisadores, vasculham de certa forma, os limites entre a normalidade e anormalidade. Ficam [...]
  • UMA BOA EXPECTATIVA

    Um vasto silêncio acompanha algumas questões fundamentais da existência, espera-se de as crianças serem agradáveis e [...]
  • UMA AÇÃO SISTÊMICA

    Riqueza das ideias e desafios impulsionam a existência da espécie humana, tem íntima ligação com a liberdade adquirida e [...]
  • UMA DOSE REGULAR

    A expressão ‘meio ambiente’, em tese, sugere a representação fixa da natureza, porém, tudo que se conhece no universo [...]
  • UM NINHO SEGURO

    O envelhecimento é um processo inato, no decorrer do tempo, mudanças hormonais, cognitivas e físicas ocorrem em todos os [...]
  • Quero…

                      Quero, um dia, poder dizer as pessoas que nada foi em vão. Que o [...]
  • Resistência…

                  A resistência da estrutura psíquica, em parte, está relacionada com a forma [...]
  • UM CICLO VIRTUOSO

    A vida cotidiana reserva diversas emoções negativas. Entre elas a raiva, ciúme, medo, vergonha ou arrependimento – visto [...]
  • Convite para viver

      Quando se fala da vida é como atravessar o oceano Atlântico, de ponta a ponta, num caiaque e nem saber [...]
Sobre marcelopelucio (312 artigos)
Possui habilidades comprovadas para encontrar talentos, montar, treinar e organizar equipes. Melhora o clima organizacional das empresas, escolas e organismos nos quais atua. Encontra o sucesso em diversas áreas da atividade humana e detém várias premiações. Sua vida acadêmica conta com quase três décadas de estudos, possui cinco títulos acadêmicos (graduações, especialização e aperfeiçoamento), centenas de cursos dentro e fora do Brasil e participa de Mestrado em Educação. http://www.marcelopelucio.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: